Corpo, Memória e Performatividade (parte 2)

Uma ação que conversa com o turismo no Brasil.


Do artigo ‘O Homem da Multidão’ por Edgar Allan Poe

http://teoriasdacomunicacao.wordpress.com/2010/10/01/o-homem-da-multidao-por-alan/


1. “A característica do público é ser racional e defender sua individualidade. Enquanto na multidão, o indivíduo quer ser anônimo, já a massa, o sujeito que ser igual aos outros, no público ele quer ser ele mesmo.”

2. “Multidão é definida como um grupo de pessoas que agem por impulso, embora havendo um indivíduo que atua de forma consciente ou não, para incitar os demais (pessoas que compõem a multidão) criando ações de acordo com uma situação.”


A característica de “multidão” pode ser vista no próprio narrador, que segue o homem apenas na curiosidade de saber algo que nem ele sabe descrever com clareza. O psicólogo Italiano Sieghele trabalha o conceito de multidão “como agrupamento geográfico e resultado de uma sugestão, como se seus integrantes estivessem sonâmbulos, hipnotizados. Em toda multidão há condutores e conduzidos, hipnotizadores e hipnotizados”.

Já o homem da multidão pode ser dito como homem-massa, incapaz de estar só, mas também incapaz de criar relacionamentos profundos. Sua única aspiração era ser aceito pelo grupo, mesmo que para isso precisasse sacrificar sua identidade, ou seja, ele pode ser dito como massa por ter certo conceito crítico, saber o que quer, mesmo que saiba apenas o que a lhe é imposto pela sociedade, meio em que vive.


"Libertar as pessoas é o objetivo da arte, portanto a arte para mim é a ciência da liberdade."

(Joseph Beuys)



Conhecendo o turismo litorâneo

Este tipo de turismo desenvolve-se, principalmente, em países de clima temperado, tropical e equatorial. Associado às belezas naturais, o turismo litorâneo oferece aos turistas uma série de atrativos. Entre eles, podemos citar: passeio náutico, atividades de mergulho, surfe, culinária típica (baseada em peixes e frutos do mar) e visita aos ecossistemas litorâneos.

O turismo litorâneo é um dos mais fortes do Brasil, em função das lindas praias que possuímos em nosso extenso litoral. Outro fator que favorece o turismo litorâneo no Brasil é o fato de grande parte de nosso litoral estar situado em zona tropical. Uma região para se destacar neste tipo de turismo, precisa oferecer ao turista boa infra-estrutura hoteleira, praias limpas, roteiros atraentes, segurança e boas informações.


Entre as principais regiões do mundo que se destacam no turismo litorâneo, podemos citar:

- Litoral brasileiro (praias do Nordeste, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Norte e litoral paulista)

- Praias do Caribe (América Central)

- Litoral do Mar Mediterrâneo (Europa)

- Ilhas da Oceania



O TURISMO NO FINAL DO SÉCULO XX - UM CONTEXTO PARADOXAL

Por Carolina de Andrade Spinola


Predomínio do turismo de sol e praia

Existe uma hegemonia, em uma escala global, do turismo litorâneo frente a outras modalidades de turismo, conformando uma hierarquia espacial da atividade que parece privilegiar estas porções do território em detrimento das áreas interiores. Visceralmente ligado ao conceito de turismo de massa, o turismo de sol e praia é responsável pela atração dos maiores fluxos de visitantes e tem o seu sucesso associado ao fato de ser a modalidade de turismo mais intensiva e, portanto, mais adequada à exploração industrial².

Segundo Palomeque (1997) o turismo de sol e praia é hegemônico na Espanha e em algumas comunidades autônomas, como é o caso da Catalunha que concentra no litoral ¾ do negócio turístico. No Brasil não é diferente, sendo que o mesmo fenômeno está associado à própria localização litorânea das capitais estaduais, que salvo algumas poucas exceções - como é o caso de São Paulo, Belo Horizonte, Curitiba e Porto Alegre - estão entre os maiores núcleos urbanos do País. Segundo dados da Embratur - Empresa Brasileira de Turismo, 62% do fluxo internacional recebido pelo Brasil se concentra no litoral, com destaque para as cidades do Rio de Janeiro, Salvador, Florianópolis e Recife.

Dentre as cidades mais visitadas por turistas estrangeiros só fogem a essa regra Foz do Iguaçu, em função das famosas Cataratas, e São Paulo, esta última, prioritariamente um destino de convenções e negócios. Este resultado se repete em relação ao turismo interno, com uma maior participação das cidades de Rio de Janeiro, Fortaleza, Recife, Salvador e Porto Seguro nas viagens nacionais.

Reforçando esta tendência, notadamente no nordeste do País - área com a maior porção litorânea e com muitas praias inexploradas - a Política Nacional de Turismo tem priorizado a construção de mega complexos turísticos, próximos a núcleos urbanos consolidados de médio e grande porte, voltados para o turista de alto poder aquisitivo, preferentemente internacional.


² Um estudo citado no texto de Fluviá & Mena (1998) determinou que esta modalidade de turismo é especialmente sensível à variação da renda dos consumidores. Segundo ele, o aumento de 1% na renda do turista significaria um incremento de 1,76% na sua demanda pelo turismo de sol e praia.



A partir desses apotamentos, a AÇÃO levanta inquietações:


- Como esses corpos atuam e acompanham esses espaços ao decorrer da história?

- Como o processo de industrialização implicou no comportamento nos espaços urbanos?

- Como eles interagem hoje em dia dentro desses espaços?


- O processo de registro e o protocolo criado durante a AÇÃO é também corpo da ação, tomando a ideia de corpoambiente?

- Qual o lugar desta AÇÃO enquanto divulgação? Qual o papel desta nas redes sociais? Que mecanismos podemos utilizar para desestabilizar a rede?

- Esta AÇÃO protocola métodos de eficácia enquanto divulgação? Quem atinge? Existe eficácia de uma ação sem metodologia?

- O que levaremos do protocolo anterior para o próximo e assim por diante? Fotos? Elementos iguais? A mudança dos elementos também modifica nossa relação com a ambiência.


Corpo-Ação: Danielle Greco e Dandara Novato

Ação-onírica e gráfica: XCosta [Grupo Visões Urbanas - UFBA]

Fotografia, filmagem e edição de vídeo: Daniel Mello

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo